sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

De volta aos velhos hábitos...

O Luis Queiroz é articulista do site Convergência Digital e antigamente era bastante crítico da idéia de se doar 1 computador para cada criança. Nos últimos meses ele pareceu convencido da idéia e publicou algumas notícias menos imparciais sobre o assunto.

Hoje, porém, na sua coluna destinada notas curtas atacou a idéia e a licitação em completo desacordo com o que publicara recentemente.

Ele diz que a isenção planejada pelo governo e articulada junto aos estados iria beneficiar a OLPC, mas esquece-se que a vencedora Positivo e todos os demais concorrentes iriam importar as máquinas (150 mil ainda é muito pouco para compensar a produção local e não há logística que compense economicamicamente o alto investimento para um prazo de 2 meses).

A isenção não veio para beneficiar a OLPC, mas para corrigir um erro de cálculo que prejudicaria todo o leilão. E acabou prejudicando, porque no fim o pregoeiro inflou os preços para além do desejado pelo governo ao desconsiderar essa isenção fiscal acordada com os estados.

Para ler a coluna do Luiz Queiroz, clique aqui.

Um comentário:

Sandra Catarina Martins disse...

OLá Jaime, td bem?
Sou professora de Educação Infantil e procuro professores que queiram compartilhar suas experiências. Ficaria muito feliz se visitasse o meu blog.

www.educrianca.blogspot.com

Abraços e um Feliz Ano Novo